Abdullah Shafiq se torna o primeiro paquistanês a marcar séculos no T20, estreias de primeira classe

Abdullah Shafiq. Foto: Twitter

Abdullah Shafiq, do centro do Punjab, impressionou na quarta-feira em sua estreia no T20, ao fazer um século invicto durante a segunda partida da Copa Nacional T20 em Multan contra o sul do Punjab.



O jogador de 20 anos acertou 102 em 58 entregas, tornando-se o primeiro jogador paquistanês a marcar um século em sua estreia na primeira classe e no críquete T20.

A sua blitzkrieg ajudou a sua equipa a vencer o Southern Punjab por sete postigos.

A carreira de Shafiq na primeira classe começou no ano passado de maneira semelhante, quando ele marcou 133 corridas, também contra o sul de Punjab.

O jovem batedor é o quarto paquistanês e o oitavo jogador de críquete a marcar um século na estreia no T20. Outros paquistaneses incluem Moin Khan (em 2005), Asif Ali (em 2011) e Bilal Asif (em 2015).

O único outro jogador do mundo a realizar esse feito é Shivam Bhambri de Mohali, Índia.

Bhambri marcou 106 na estreia no T20 e 105 na estreia no FC pelo Chandigarh no ano passado.

Enquanto isso, na mesma partida, o veterano goleiro do postigo, o batedor Kamran Akmal, do Punjab Central, marcou 75 a 41 para completar 6.000 corridas no críquete T20, tornando-o o terceiro paquistanês a completar a façanha depois de Mohammad Hafeez e Shoaib Malik.

Recomendado