Boy George fala sobre fazer 60 anos, nova música e filme biográfico

Boy George lançou o elenco nas redes sociais em abril para o filme 'Karma Chameleon'

O vocalista do Culture Club, Boy George, está procurando um ator para interpretá-lo em um novo filme biográfico musical que deve começar a ser filmado neste verão.



A cantora britânica, que fará 60 anos na próxima semana, lançou a convocação de elenco nas redes sociais em abril para o filme 'Karma Chameleon', após um dos sucessos da banda nos anos 1980.

George, cujo nome verdadeiro é George O’Dowd, falou com Reuters sobre a pesquisa de elenco, seu aniversário marcante e o lançamento de novas músicas.

Abaixo estão trechos editados para maior clareza e extensão.

P: O que você acha de fazer 60 anos?

George: 'Parece ridículo! É como 'e daí?' Para mim é como se houvesse uma liberdade que vem com estar neste ponto da minha vida e não sei se isso tem a ver com a minha idade ou por causa de certas coisas ... Eu acho que desde que você esteja interessado nas coisas você sempre vai ser interessante, sabe? E você nunca será interessante para todos. Mas essa é a perda deles. '

P: Você está planejando lançar 60 novas canções para marcar os 60 anos. O que você pode dizer sobre essa nova música?

George: 'Às vezes, estou lançando o vídeo antes da música ser lançada, estou fazendo todo o conteúdo criativo, basicamente fazendo no estilo de guerrilha. Não estou promovendo isso, não estou dizendo quando vai ser lançado, só vai acontecer. '

P: Você lançou uma chamada de elenco para um ator para interpretá-lo em seu filme biográfico. Como está indo a pesquisa?

George: 'Obviamente, estou muito interessado em outra pessoa ser eu porque acho que todos nós estamos desempenhando um papel de qualquer maneira, particularmente nós, intérpretes. Nós meio que nos criamos de papelão e purpurina. Nós somos nossas próprias invenções. E então nós meio que passamos nossas vidas explicando um personagem que realmente não existe. Então, acho que é um momento muito interessante para explorar quem você é, por que faz o que faz, como é ser velho. Acho que é uma coisa incrível ... Sempre amei gente velha. Ainda não sou, mas não tenho medo disso. Porque o tempo deve torná-lo mais sábio. Essa é uma ótima frase de abertura para uma música. '

Recomendado